Estudo dos efeitos do Tribulus terrestris e da tibolona em mulheres com disfunção do desejo sexual após a menopausa / Study of the effects of Tribulus terrestris and tibolone in postmenopausal women with sexual desire dysfunction

Renata Mello Guazzelli, Sônia Maria Rolim Rosa Lima, Sostenes Postigo, Camila Pinho Brasileiro Martins, Silvia Saito Yamada

Resumo


Objetivo: Estudar dos efeitos do Tribulus terrestris e da Tibolona em mulheres com disfunção do desejo sexual após a menopausa. Método: Estudo prospectivo, randomizado realizado com 66 mulheres após a menopausa com disfunção do desejo sexual. As mulheres foram divididas em três grupos: Grupo Controle (n=20) placebo/VO; Grupo Tribulus (n=22) 750 mg/VO/dia; e o Grupo Tibolona (n=24) 1,25 mg/VO/dia. Como parâmetro de avaliação foi utilizado Quociente Sexual – Versão Feminina (QS-F), aplicado antes e após 90 dias de tratamento. Resultados: Nos Grupos Controle e Tribulus todas concluíram o estudo; no Grupo Tibolona quatro não concluíram, sendo três por efeitos adversos. Nos Grupos Tribulus e Tibolona houve melhora significante após o tratamento em todos os domínios avaliados. No grupo Controle houve melhora estatisticamente significante nos aspectos desejo e interesse sexual, e capacidade de excitação; e a pontuação total no QS-F apresentou uma piora estatisticamente significante. Quanto ao padrão do Desempenho Sexual, inicialmente todos os Grupos apresentavam um padrão desfavorável a regular, e, ao final do estudo, o Grupo Controle manteve o mesmo padrão, o Grupo Tribulus passou a apresentar um padrão regular a bom, e o Grupo Tibolona, um padrão bom a excelente. Conclusão: O Tribulus terrestris e a Tibolona apresentaram resposta favorável no tratamento de mulheres com disfunção do desejo sexual após a menopausa.

Descritores: Menopausa, Disfunção sexual fisiológica, Tribulus terrestris, Esteroides, Terapia de reposição hormonal


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.