Diagnóstico fonoaudiológico dos pacientes internados no Setor de Neurocirurgia de um hospital universitário quaternário / Speech Diagnosis in a Neurosurgery University Hospital Department: profile of patients

Michele Devido dos Santos, Jéssica Fregolente, Karen Reis Ribeiro, Najla Corine Praça Rodrigues, Franciele Carvalho, José Carlos Esteves Veiga

Resumo


Objetivo: Caracterizar o diagnóstico fonoaudiológico de distúrbio da linguagem em pacientes internados no setor de Neurocirurgia de um hospital universitário quaternário.  Métodos: Trata-se de um estudo retrospectivo, descritivo de caráter qualitativo e quantitativo. Foram analisados nesta pesquisa prontuários de pacientes com diversos comprometimentos neurológicos e fonoaudiológicos que foram submetidos a tratamento neurocirúrgico no período de fevereiro de 2010 a junho de 2015. Resultados: Foram analisados 1636 prontuários e observou-se que em 372 (22,74%) tinham sido realizadas avaliações de linguagem. O maior percentual de sequelas fonoaudiológicas encontradas foram referentes a quadros de afasia 26,14% (103 casos) e disartria 7,61%, (30). Nesse grupo havia pacientes com idades diferentes, desde recém-nascidos com dias de vida até idosos de idade máxima de 86 anos, com media de 40 anos e o desvio padrão de 22 anos. Em relação ao gênero tivemos 46,33% do masculino e 46,33% do feminino. Conclusão: Observou-se um maior percentual de sequelas fonoaudiológicas encontradas na população estudada relacionada a quadros de afasia e de disartria nos casos de neoplasias, seguido de aneurismas intracranianos.

Descritores: Fonoaudiologia, Neurocirurgia, Transtornos de linguagem, Neoplasias


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.