Via de acesso alternativa para circulação extracorpórea na dissecção aguda de aorta ascendente / Alternative cannulation site for cardiopulmonary bypass in acute dissection of the ascending aorta

Albert Salviano dos Santos, Gabriela Miguel Giordano Eroles, Felipe Machado Silva, Ana Maria Rocha Pinto e Silva, Luiz Antonio Rivetti, Valquiria Pelisser Campagnucci

Resumo


A dissecção de aorta é um evento frequente e grave na sociedade mundial, com uma incidência de 2,6 a 3,5 pessoas em 100.000 habitantes/ano, sendo que aproximadamente 60% acometem a aorta ascendente e/ou arco. Seu tratamento definitivo só foi possível com o advento da circulação extracorpórea (CEC) em 1953 e desde então, muitas vias de canulação arterial foram estabelecidas, possibilitando a manipulação da aorta e do coração sem comprometer a perfusão cerebral e sistêmica. A aorta ascendente é a via mais utilizada atualmente, porém, em casos de dissecção de aorta do tipo A de Stanford, ela deve ser evitada e por isso é tão importante conhecer e dominar vias alternativas de canulação como as artérias axilar direita (ou subclávia direita), femoral, braquial, carótida na porção cervical e menos frequentemente a canulação da aorta por via transventricular. Estudos recentes defendem a via transventricular como segura e benéfica para o paciente. Esse relato apresenta um caso em que as vias consagradas não eram viáveis e que se buscou uma alternativa pouco usual para a canulação arterial, a via transventricular. Descritores: Dissecção, Aorta torácica, Circulação extracorpórea, Aneurisma dissecante

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.