Uso de modelo experimental de anastomose látero - lateral microcirúrgica no ensino de habilidades cirúrgicas na graduação / Use of experimental model of latero-lateral end microsurgical anastomosis on teaching of surgical skills in graduation

Matheus Silva Garbin, Aline Riquena da Silva, Sarah do Valle Studart, Pedro Luiz Squilacci Leme

Resumo


Introdução: A anastomose arteriovenosa latero-lateral é um procedimento complexo para acadêmicos de medicina, pois requer treinamento repetitivo. Objetivo: Comparar o aprendizado de alunos do quinto e décimo semestres da graduação de medicina, após treinamento de anastomose arteriovenosa latero-lateral, em modelo para treinamento que utiliza línguas bovinas. Materiais e Métodos: Estudo realizado na Universidade Nove de Julho, São Paulo, SP, Brasil, com a participação de 20 graduandos de medicina (dois grupos de dez alunos, de quinto e décimo semestres). No primeiro dia os alunos assistiram aula sobre a técnica da anastomose arteriovenosa latero-lateral e realizaram o procedimento, sendo avaliados dez critérios quanto à realização do procedimento. Os grupos treinaram durante quatro sessões de duas horas e foram novamente submetidos à mesma avaliação. As notas médias foram analisadas pelo teste T de Student. Resultados: O grupo de quinto semestre obteve média de 3 pontos na avaliação 1 e 5 pontos na avaliação 2 (p = 0,08393). O grupo de décimo semestre obteve média de 5 pontos na avaliação 1 e 7 pontos na avaliação 2 (p = 0,08393). Conclusões: Comparando o desempenho dos alunos de quinto e décimo semestre, após treinamento específico da anastomose vascular proposta, houve melhora na nota dos dois grupos, mas não houve significância estatística quando os valores foram comparados.

Descritores: Anastomose arteriovenosa, Microcirurgia, Educação Médica, Simulação, Ensino, Bovinos, Cirurgia geral.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26432/1809-3019.2017.62.3.146

Apontamentos

  • Não há apontamentos.