Comparação dos micro-organismos isolados de caixões de madeira e de zinco em cemitérios no Município de São Paulo

Suely Mitoi Ykko Ueda, Cely Barreto da Silva, Miranda Maura Aparecida Lopes Santos, Daniel Romero Muñoz, Maria Lucia Faria, Rosana Fakhany Vita, Maria Aparecida Soares Murça, Lycia Mara Jenné Mimica

Resumo


O estudo dos micro-organismos encontrados nos caixões
de madeira e de zinco com a finalidade de identificar os
principais micro-organismos encontrados nos diferentes
tipos de caixões durante a exumação dos corpos, verificar a
se existe diferença entre os micro-organismos encontrados
nos caixões de madeira e zinco nas exumações dos corpos
e se existem cuidados especiais a serem observados na exumação
dos cadáveres nos diferentes tipos de caixões a fim
de evitar a contaminação dos profissionais. Os resultados
encontrados durante a exumação dos corpos de cadáveres
foram que os principais micro-organismos identificados nos
diferentes tipos de caixões foram Bacillus subtillis seguido
do Trichophyton sp, agentes encontrados principalmente no
solo e responsáveis pela decomposição dos cadáveres. Não
observamos diferenças neste estudo dos micro-organismos
encontrados nos caixões de madeira e zinco e, apesar da
menor quantidade de amostras dos caixões de zinco, as
porcentagens de micro-organismos isolados mantiveramse
proporcionais nos diferentes tipos de caixão. A redução
dos riscos ocupacionais biológicos pode ser garantida
orientando-se os trabalhadores quanto aos cuidados a serem
observados durante a manipulação dos corpos por meio da
correta utilização dos equipamentos de proteção individual
como máscaras, luvas e uniformes, higienização das mãos
até o antebraço após a exumação dos cadáveres e limpeza
dos equipamentos utilizados.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.