Adenoma hipofisário secretor de TSH: uma revisão sistemática / TSH-secreting pituitary adenoma: a systematic review

Paulyanara Monique Alves de Souza, Jefferson Ricardo Rodrigues Morais, Karla Vanessa Rodrigues Morais, Josué da Silva Brito, Talitha Araújo Faria

Resumo


Introdução: Os adenomas hipofisários são tumores caracterizados pela proliferação de células adeno-hipofisárias produtoras de hormônios tróficos. Dentre eles, os adenomas hipofisários produtores de TSH (TSHomas), neoplasias benignas pouco frequentes, que correspondem a menos do que 3% dos adenomas hipofisários. Método: Pesquisamos os termos TSHomas, tireotropinomas e adenomas pituitários secretores de TSH nas bases Pubmed, Lilacs e Scielo. Incluímos artigos publicados entre 2010 e 2020, sendo excluídos relatos de casos, artigos indisponíveis e que não tratavam sobre o tema. Resultados e discussão: Os TSHomas são tumores fibrosos, monoclonais, com incidência entre 0,015 a 0,03 casos/100.000 habitantes, que se manifestam por hipertireoidismo e sintomas causados por efeito de massa. São diagnosticados diante da elevação de TSH juntamente a hormônios tireoidianos, na presença de alterações neurorradiológicas. O tratamento de primeira escolha consiste na neurocirurgia transesfenoidal, sendo os análogos de somatostatina e a radioterapia alternativas para o manejo de pacientes em que a intervenção cirúrgica é desaconselhada. Conclusão: Os TSHomas são raros, contudo, precisam ser investigados diante da secreção inadequada de TSH.

Palavras chave: Adenoma, Hormônios tireoidianos, Neoplasias hipofisárias, Síndrome da secreção inadequada de TSH, Hipertireoidismo central

ABSTRACT

Introduction: Pituitary adenomas are tumors characterized by the proliferation of adenohypophysis cells that produce trophic hormones. Among them, TSH-producing pituitary adenomas (TSHomas), uncommon benign neoplasms, which
correspond to less than 3% of pituitary adenomas. Method: We searched for the terms TSHomas, thyrotropinomas and pituitary adenomas secreting TSH in the Pubmed, Lilacs and Scielo databases. We included articles published between 2010 and 2020, excluding case reports, articles that were unavailable and did not deal with the topic. Results and discussion: TSHomas are fibrous, monoclonal tumors, with an incidence of 0.015 to 0.03 cases / 100,000 inhabitants, which are manifested by hyperthyroidism and symptoms caused by a mass effect. They are diagnosed with elevated TSH along with thyroid hormones, in the presence of neuroradiological changes. The first-choice treatment consists of transsphenoidal neurosurgery, with somatostatin analogs and radiotherapy being alternatives for the management of patients in whom surgical intervention is not recommended. Conclusion: TSHomas are rare, however, they need to be investigated due to inadequate TSH secretion.

Keywords: Adenoma, Thyroid hormones, Pituitary neoplasms, Inappropriate TSH secretion syndrome, Central hypothyroidism


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26432/1809-3019.2020.65.035

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

ISSN 0101-6067 (versão impressa

ISSN 1809-3019 (online)

 

 

Licença Creative Commons
O Periódico "Arquivos Médicos dos Hospitais e da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo", está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.